Guia de Raças

Cachorro Dogo Canário: Preço Filhote, Características

Dogue canário ou dogo canário, (em espanhol: Presa canário) é uma raça canina oriunda das Ilhas Canárias, na Espanha, sendo este local considerado seu berço de origem, tanto que acabou ganhando o nome da própria localidade. Seu nome significa cachorro das canárias ou também de captura.

dogue-canario01

Origem

De origem ocidental, é o resultado dos cruzamentos de diversas raças molossóides, cuja principal foi à nativa da área, o perro de ganado majorero. Com a chegada de diversos outros molossos à ilha, levados com o objetivo de ajudar nos trabalhos com o gado bravo, os cruzamentos foram possíveis, e o Dogue Canário desenvolveu-se praticamente em isolamento nas ilhas por quase 500 anos. Sendo muito utilizado na lida com o gado, a raça foi depois introduzida nos combates tão populares da época. Com os melhoramentos da pecuária, e a proibição dos combates, estes caninos foram praticamente extintos, sendo salvo por um grupo de pesquisadores, tendo sua criação retomada em meados do século XX. Utilizado originalmente como cachorro de boiadeiro, a raça é agora conhecida como um ótimo cachorro de guarda.

dogue-canario02

Características

De grande porte, possui um corpo um tanto robusto, sua cabeça é pesada e maciça, com mandíbula grande. Conta com um latido grave e a máscara negra, que não deverá ultrapassar a altura dos olhos, tudo isto dá ao Dogue Canário um aspecto bastante intimidador, e também de poucos amigos, podendo ser confundido muitas vezes com um Pit Bull crescido.

Os exemplares machos medem entre 60 e 66 cm na altura da cernelha, pesando entre 50 kg e 65 kg, e as fêmeas entre 56 e 62 cm na altura da cernelha, pesando entre 40 e 55 kg. Possui uma pelagem muito curta, quase rente a sua pele, levemente áspera o que dá ao cachorro um aspecto considerado bastante rústico. São aceitas todas as variações de tigrado, do mais claro até o tigrado invertido que assemelha-se ao preto; e todas as variações de fulvo; sempre conservando a máscara preta, pode ser encontrado ainda exemplares com tons dourados e até mesmo em cores marrom claro. Alguns podem ser encontrados com marcas brancas no peito, na base do seu pescoço, sua garganta e patas posteriores. Para criadores existe uma recomendação, é preciso que estas marcações sejam as mais reduzidas possíveis para que não tenham-se problemas na procriação da raça, pois isto indica misturas e problemas genéticos.

São ótimos cachorros de guarda, e é bom, desde sua origem, em cuidar e conduzir o gado. É manso e nobre em família, com grande apego ao dono e desconfiado com estranhos. Costuma-se realizar o corte de orelhas.

Peso: Macho de 50 kg a 65 kg

Fêmea de 40 kg a 55 kg.

Altura: Macho de 60 cm a 66 cm

Fêmea de 56 cm a 62 cm.

Grupo:  2 – Cães de tipo Pinscher e Schnauzer, Molossóides e Cães de Montanha, e Boieiros Suiços
Funções: Cachorro de pastoreio.
Grau de Atividade: Médio
Pêlo: Curta.
Cor: Variações de tigrado, fulvo, dourado e marrom claro.
Nome de Origem: Dogue Canário.
Pais de Origem: Espanha
Registro FCI:  346

dogue-canario03

 Temperamento

Apesar de o cachorro contar com uma grande imponência, o Dogue Canário, acima de tudo, é um cachorro equilibrado, mas de temperamento forte. É possível esperar-se que ele desconfie de estranhos e avance, ou reaja de forma agressiva apenas nesta situação e, não com qualquer pessoa.

É essencial que o proprietário realize um processo de educação e, sociabilização desde cedo, estabelecendo a sua liderança, e fazendo com que tenha contato com todas as pessoas mais próximas diariamente. Optar por aulas de obediência é uma dica muito interessante, já que facilitam bastante o controle sobre estes exemplares quando forem adultos. Um filhote bem educado e equilibrado certamente irá transformar-se em um adulto que poderá-se confiar.

Curiosidades

É descrito como uma das raças de cachorros mais velhas do mundo. Existem relatos de que um teria vivido no Mediterrâneo por mais de 22 anos. Apesar disto seu tempo médio de vida fica entre 8 a 12 anos.

dogue-canario04

Dicas

Exercícios regulares são muito mais adequados do que maratonas que podem inclusive desenvolver problemas de articulações. É importante ter atenção quanto ao volume e, a intensidade de exercícios realizados, de extrema relevância que eles aconteçam, porém é preciso ter cuidado, e não extenuar o filhote.

É excelente para treinamentos, muito leal com seus donos, devotado, e raramente confronta-se com seu responsável, selecionando uma pessoa da família para proteger, e defender se for preciso. Mas isso sempre que a pessoa dedique-se ao treinamento sério da raça.

Devido o mesmo ter muita energia é interessante estimulá-lo com brincadeiras, corridas, e se for o caso treinamentos com treinadores de cachorros, se você quiser que possua um temperamento mais dócil, e obedeçam totalmente seus comandos. Por ter um temperamento forte é indicado para donos que tenham um pulso firme. Apesar disso como qualquer tipo de cachorro, os representantes desta raça podem também apresentar desvios comportamentais quando são manejados incorretamente, devido a ter um porte bastante avançado quando acontecem acidentes, eles tendem a ser de maior gravidade.

Aqui no Brasil esta raça ainda não chegou em massa às mãos de treinadores irresponsáveis, não existem relatos de casos onde suas qualidades físicas e psíquicas pudessem ser degeneradas.

dogue-canario05

Saúde

O Dogue Canário passa por problemas de displasia das ancas, luxação de patela, avulsions patelar, cistos de pele, epilepsia, sarna, criptorquidia, e ainda leishmaniose canina. Esta última condição é descrita de forma empírica como altamente suscetível a afetar a maior parte dos cachorros da região da Espanha.

No Brasil existem diversos projetos para que os exemplares possam ser criados sem estes tipos de problemas, e sem miscigenações já que podem tornar-lo mais feroz do que o normal, com isto vem sendo feitos cruzamentos de raças cada vez mais puras para que não tenham este tipo de problema, e tragam até mesmo prejuízos para seus donos. Expectativa de vida varia entre 8 anos a 12 anos.

Preço

O preço médio do filhote de Dogo Canário pode variar de R$ 1.500 a R$ 2.800.

dogue-canario

Leia Também:

Aqui você encontra tudo para o seu pet.

Pets Perdidos Adoções
Pets Perdidos Achados
Pets Perdidos Perdidos
Pets Perdidos Forum
Pets Perdidos Encontros
Pets Perdidos Serviços
Dra Talita Dal Evedove Lopes. CRMV-SP 26.406

Dra Talita Dal Evedove Lopes, Médica Veterinária (CRMV-SP 26.406)

Formada pela Universidade Anhembi Morumbi em 2009, pós graduada em clínica médica de pequenos animais, especializada em Acupuntura Veterinária, Homeopatia Veterinária, Floral e Reiki Veterinário.
Médica Veterinária do Centro Veterinário Manuel Lopes.
Responsável pelos conteúdos técnicos do Encontros Pet.
Envie sua duvida pra gente: veterinaria@encontrospet.com.br

Encontros Pet

Comentários