Guia de Raças

Cachorro Griffon de Bruxelas: Preço Filhote, Características

Griffon de Bruxelas (em francês: Griffon Bruxellois) é uma raça de cachorros miniatura nomeada pela cidade de sua origem, Bruxelas, na Bélgica, saiba mais curiosidades, dicas e preço dos filhotes desse lindo cãozinho…

Griffon-de-Bruxelas-

Origem

 

Griffon de Bruxelas (em francês: Griffon Bruxellois) é uma raça de cachorros miniatura nomeada pela cidade de sua origem, Bruxelas, na Bélgica. Em sua terra natal é tratada como raça distinta de seus parentes, os Griffon Belga, e Brabançon, embora em alguns outros países estes três caninos sejam vistos como uma única raça. De função inicial rateira (caçador de ratos), tornou-se de companhia, descrito dócil, e tolerante com outros cachorros.

A história é bastante confusa e misteriosa. Na França e nos países baixos, eram chamados de Griffons de Cocheira, uma vez que dividiam com os cavalos as cocheiras e, acreditava-se, que serviam para tranquilizar os equinos. Parece haver um consenso quanto às raças que deram origem aos Griffon de Bruxelas, e aos demais Griffons (que na verdade existem em 3 versões (Griffon de Bruxelas, Griffon Belga e Petit Brabançon). Há certo consenso que derivem dos Barbets, Yorkshire,  Fox Terrier, Pug e, possivelmente, Affenpinscher.

A primeira aparição deles aconteceu em 1880, durante uma exposição canina, mas o primeiro padrão oficial da raça foi aprovado apenas em 1883, e a versão definitiva é de 1904.

A raça sofreu muito com a Primeira Guerra Mundial e por pouco não foi extinta, mas graças ao trabalho dos criadores, em especial dos ingleses, recuperou-se em termos de qualidade e número de exemplares.

Griffon-de-Bruxelas-01

Características

Este pequeno exemplar de companhia é uma raça bem balanceada, elegante e com boa ossatura. É um cachorro alerta, orgulhoso, robusto, elegante em seus movimentos, e atrai a atenção pela expressão quase humana.

A cabeça é a parte mais característica, típica da raça Griffon de Bruxelas. Este cachorro tem uma cabeça grande quando comparada ao tamanho do corpo, e apresenta um stop muito pronunciado. De coloração preta, a trufa é larga, colocada no mesmo nível dos olhos. O focinho é bastante curto, a ponto de nunca exceder o tamanho de 1,5 cm. Outra característica marcante é a mandíbula curvada para cima, larga, nitidamente prognata. Os olhos são largos, bem separados entre si, redondos, mas não protuberantes. A cor dos olhos costuma ser castanha, em tons escuros. As orelhas são tipicamente pequenas, portadas semi-eretas e caídas para frente. A cauda é inserida e portada alta, portada para cima, com a ponta em direção ao dorso, mas sem tocá-lo, e sem ser espiralada.

O tipo, a cor e a qualidade da pelagem é o que diferencia uma variedade da outra. O Griffon de Bruxelas e o Griffon Belga apresentam pelagem dura, com a presença de subpelo. O pelo é naturalmente áspero, ligeiramente ondulado, não crespo (essa pelagem dá ao Griffon de Bruxelas a vantagem de resistir a climas mais frios, e a neve, embora não seja eficiente sob temperaturas rigorosas). Já o Petit branbançon, também conhecido como Brabantino apresenta a pelagem mais curta, com pelo áspero, plano e brilhante. Outra característica distintiva é a guarnição da cabeça (barba e bigode). Nos Griffons, a guarnição começa debaixo do eixo- trufa-olho, e vai de uma orelha a outra, cobrindo o focinho e as bochechas com os pelos mais compridos do que no resto do corpo. O pelo deve ser mais longo também acima dos olhos, formando as típicas sobrancelhas.

A cor da pelagem é outra característica que diferencia as três variedades. Enquanto o Petit Brabançon apresenta as mesmas cores dos Griffons, porém com uma máscara preta. O Griffon de Bruxelas tem a pelagem vermelha ou avermelhada, às vezes com um pouco de preto na guarnição da cabeça. Já o Griffon Belga apresenta pelo preto puro, ou preto e castanho, cores que o standard oficial dá preferência. No entanto, o preto misturado com vermelho também é aceito.

Esta é uma raça considerada de pequeno porte. Os exemplares adultos, tanto machos quanto fêmeas pesam em média de 3 kg a 6 kg, e medir 20 cm, tem o seu adestramento considerado de dificuldade moderada.

Peso: Aproximadamente Macho e Fêmea de 3 kg a 6 kg
Altura Aproximadamente Macho e Fêmea de 30 cm
Grupo:  9
Funções: Cachorro de companhia
Grau de Atividade: Alto
Pelo: Duro, com a presença de subpelo. Naturalmente áspero, ligeiramente ondulado, não crespo
Cor: Vermelha
Nome de Origem: Griffon de Bruxelas
Pais de Origem:

Bélgica

Registro FCI:

Griffon-de-Bruxelas-03

Temperamento

O Griffon de Bruxelas é um pequeno e gracioso cachorro de companhia, extremamente afetuoso, muito vivo, de notável inteligência, e muito bem balanceado. É um cachorro curioso, de temperamento alegre, e está sempre interessado no que acontece ao seu redor. É uma raça que não apresenta nenhuma agressividade, porém é um cachorro vigilante, orgulhoso, alerta. Os exemplares desta raça são freqüentemente descritos como ousados, teimosos, travessos e dotados de autoconfiança.

Apesar de toda essa vivacidade, e do alto nível de energia desses divertidos cachorros, não podemos esquecer que são de porte pequeno, e não toleram brincadeiras mais brutas. Portanto, é mais indicado para famílias que não tem crianças em casa, em especial crianças pequenas, e não é indicado para pessoas que passam todo o dia fora de casa, pois gostam, e precisam da companhia dos donos. Se deixados sozinhos por longos períodos, com certeza vão procurar alguma atividade para distrair-se, e podem até mesmo tornarem- se destrutivos.

Curiosidades

Existem algumas representações de exemplares muito semelhantes ao Griffon, como no quadro de Van Eyck, datado de 1434. Outros registros apontam que a Rainha Draga, da Sérvia, tinha um desses exemplares que salvou-lhe a vida, uma vez que, temendo ser envenenada, ela dava sua comida antes ao cachorro. De fato, um dia ele morreu envenenado.

Mas nada foi tão impactante para popularizar a raça quanto ter tido papel de destaque no sucesso mundial do cinema ´Melhor Impossível`, de 1997, quando o pequeno Griffon – Verdell – contracenava com o astro Jack Nicholson.

Na escala de obediência elaborada por Stanley Coren e publicada em seu livro ‘A Inteligência dos Cães’, o Griffon aparece em 59ª posição entre as raças pesquisadas.

Dicas

Como trata-se de uma raça com um elevado nível de atividade, eles precisam exercitar-se diariamente de maneira adequada, mas deve-se prestar muita atenção, e evitar estas atividades nos períodos mais quentes do dia, uma vez que o formato do focinho, achatado como o dos Boxers, Bulldogues e Pug, dificulta a refrigeração do cachorro, e pode levar até mesmo à morte.

Precisam de estímulo físico e mental, e devem receber a atenção necessária de seus donos. Eles estão sempre à procura da atenção dos mesmos, e costumam segui-los por toda a casa. Brincadeiras dentro de casa, e aulas de adestramento são sempre opções saudáveis, muito indicadas para esses pequenos peludos. Passeios de coleira também são muito bem aceitos, recomendados para reduzir o nível de estresse, e também para que eles possam exercitar-se.

Extremamente atento a toda movimentação da casa, são excelentes cachorros de alarme, uma vez que vão latir ao menor sinal de que há algo de estranho, ou diferente.

Por possui o pelo duro, requer alguns cuidados para sua manutenção. Não devendo ser tosado à máquina, e sim arrancado (stripping) para que não cresça demais, e perca a textura correta. Esse processo deve ser feito apenas por um profissional, caso contrário pode machucá-lo.

Outro cuidado com a higiene refere-se aos shampoos, e condicionadores que podem prejudicar a textura dos pelos assim como o excesso de banhos.

Durante algumas épocas do ano, pode ser verificada a troca do pelo, que por ser duro, não vai cair tanto quanto outras variedades de pelo curto, mas para que não cheire deve receber escovações semanais.

Griffon-de-Bruxelas-04

Saúde

Não apresenta problemas específicos à raça, e o maior cuidado que deve ser tomado, são com os olhos, que são saltados, e que podem irritar-se com mais facilidade. Expectativa de vida varia entre 12 anos a 15 anos.

Preço

O preço médio do filhote do Cachorro Griffon de Bruxelas pode variar de R$ 4.000 a R$ 7.000.

Griffon-de-Bruxelas-07

Leia Também:

Aqui você encontra tudo para o seu pet.

Pets Perdidos Adoções
Pets Perdidos Achados
Pets Perdidos Perdidos
Pets Perdidos Forum
Pets Perdidos Encontros
Pets Perdidos Serviços
Dra Talita Dal Evedove Lopes. CRMV-SP 26.406

Dra Talita Dal Evedove Lopes, Médica Veterinária (CRMV-SP 26.406)

Formada pela Universidade Anhembi Morumbi em 2009, pós graduada em clínica médica de pequenos animais, especializada em Acupuntura Veterinária, Homeopatia Veterinária, Floral e Reiki Veterinário.
Médica Veterinária do Centro Veterinário Manuel Lopes.
Responsável pelos conteúdos técnicos do Encontros Pet.
Envie sua duvida pra gente: veterinaria@encontrospet.com.br

Encontros Pet

Comentários