Guia de Raças

Cachorro Tosa Inu (Mastim Japonês)

A raça Tosa Inu (em japonês: 土佐闘犬), também conhecido por Tosa-Ken, Cachorro de Luta Japonês, ou Mastim Japonês, é oriunda do Japão, veja abaixo suas características, temperamento, preço dos filhotes e algumas curiosidades e dicas para os donos desse lindo cão ou para quem deseja ter um.

Tosa-01

Origem

A raça Tosa Inu (em japonês: 土佐闘犬), também conhecido por Tosa-Ken, Cachorro de Luta Japonês, ou Mastim Japonês, é oriunda do Japão, foi desenvolvida durante o séc. XIX com o propósito de criar um canídeo destemido, e robusto para a luta de cachorros, na época, atividade considerada um desporto. Seu nome vem da localidade na qual foram criados (província de Tosa: Tosa Inu, traduzido do japonês, significa “cachorro de tosa”).

A evolução desta espécie teve a contribuição de várias raças, já que pretendeu- se conjugar a lealdade, e agilidade para a luta típica dos cachorros japoneses, com a robustez dos cachorros ocidentais. Inicialmente, resultou de um cruzamento entre o Kochi e Shikoku, e só mais tarde teve o contributo do Bulldog, Mastiff, Bull Terrier, Pointer Alemão, e Grand Danois.

Foi desde sempre um animal muito respeitado no Japão, pela sua impressionante estatura e bravura, apesar de ser uma raça relativamente rara.

Reconhecido pela FCI (Fédération Cynologique Internationale) este exemplar tem sido importado para os EUA, e para a Europa, onde é utilizado como cachorro de companhia, e de guarda.

Tosa-04

Características

Um cachorro robusto, de grande porte, a cabeça é grande e robusta, com um focinho quadrado, apresentando um stop preferencialmente abrupto. Os olhos são relativamente pequenos, cor de âmbar, ou castanho-escuro. As orelhas de inserção alta são arredondadas nas pontas, e estão normalmente caídas sobre as faces. O pescoço possui papadas, e é largo e musculoso. O dorso é nivelado, reto, conferindo-lhe uma postura distinta, e o peito é largo e profundo. Os membros são atléticos, longos, e fortes, conferindo-lhe uma movimentação vigorosa, e possante.

Possui uma pelagem curta, dura, densa, e macia, cujas cores variam entre o fogo (com ou sem marcas), e branco (com marcas fogo), podendo ocorrer ligeiras marcas brancas no peito e nas patas.

Este imponente exemplar apresenta medidas admiráveis que cheguem aos 90 Kg de peso, e aos 60 cm de altura mínima na cernelha.

Peso: Aproximadamente Macho de 40 kg a 90 kg e Fêmea de 45 kg a 72 kg
Altura Aproximadamente Macho de 60 cm e Fêmea de 55 cm
Grupo: 2 – Cachorros de guarda e utilidade
Funções: Cachorro de guarda
Grau de Atividade: Média
Pelo: Curta, dura, densa, e macia
Cor Variam entre o fogo (com ou sem marcas), e branco (com marcas fogo)
Nome de Origem: Tosa
Pais de Origem: Japão
Registro FCI:

Tosa-02

Temperamento

É um cachorro audacioso, corajoso, de compostura, e paciência. Um animal bem equilibrado que pode-se tornar um excelente cachorro de companhia, e guarda, com um temperamento seguro e leal. São seguros de si e muito leais com a família e, sobretudo, com o dono, que mantém uma relação de cumplicidade e amizade.

Possui as características ideais para cachorro de família, mas só será se, durante o seu crescimento, for acompanhado, e ensinado pelo seu dono. Daí que estes cachorros não são normalmente aconselhados a pessoas que possuam pouca experiência com animais.

Em casa costuma sentir-se a vontade, gostando de relaxar em camas e sofás. Se a circunstância exigir, pode ser um cachorro terrível, por isso deve ser treinado de forma firme, e socializado desde cedo. No seio familiar é um animal calmo, silencioso, protetor do território, e da família. É reservado perante estranhos, sem ser agressivo. Com as crianças, revelam-se cachorros seguros, mas já não o são perante animais de estimação desconhecidos. Toleraram perfeitamente bem a dor, pelo que podem atacar.

Com dono o Mastim Japonês é muito afeiçoado, mas perto de estranhos prefere ser reservado. Apesar de ser gentil e paciente com as crianças, lida melhor com elas quando não são muito pequenas. Confiante, e calmo, não costuma querer provar nada a ninguém, não sendo exibido. Seu tamanho faz dele um bom cão de guarda. Acredita-se que seu instinto coragem e de luta tenha originado-se do envolvimento do grupo Mastim em seu desenvolvimento.

Além da guarda, eles foram utilizados com sucesso para pesquisa, e cachorros de resgate, e na Formação da Terapia.

Curiosidades

Hoje em dia muito desejado na guarda, mas ao mesmo tempo pouco conhecido. O desconhecimento dos exemplares Tosas deve-se principalmente por sua raridade, e pela proteção exercida pelos criadores japoneses, que dificilmente permitem a saída dos Tosas originais do Japão. A raça quase foi extinta, mas graças as suas inúmeras qualidades, seu equilíbrio, e importante tradição que representa na cultura do Japão, hoje ainda estão felizmente preservados, e assim deve permanecer.

Dicas

Por ser de grande porte, ele exige uma grande quantidade de espaço, para brincar, correr, e movimentar-se. Isso não vai resolver-se felizmente em um apartamento pequeno, ou melhor, o apartamento não é provável que contentar-se com esta criatura barulhenta – Tosa Inu jovens são extremamente violentos, e eles levam muito tempo a crescer.

Além disso, a inteligência inquestionável da raça significa que este é um exemplar com uma mente própria – e que ele vai preferir fazer-se por conta própria também se o Mestre não aprender a ser magistral suficiente, enquanto ainda é possível. Por esta razão, é imperativo que o Tosa Inu seja bem treinado e bem socializado a partir de uma idade muito jovem, e ensinado a frear suas naturais tendências agressivas para com os outros animais e estranhos. Eles necessitam de atividades físicas no dia a dia, por isso, os donos devem levá-los para passear

A sua manutenção regular também é bastante considerável, embora os cuidados sejam simples, porque os cachorros têm pelo curto, necessitando apenas de uma escovação regular, e ocasional.

Tosa

Saúde

Estes animais não apresentam grande propensão para contrair as doenças mais típicas que afetam os canídeos, porém alguns problemas estão relacionados aos olhos, e a displasia coxofemoral e de cotovelo. Ambas os tipos de displasias são de herança genética, causando má formação, e degeneração das articulações, estando ambas relacionadas a raças grandes e gigantes.

No caso da displasia de cotovelo nem todo animal que apresenta a doença manifestam sintomas, aqueles que têm sintomatologia ativa apresentam dor ou dificuldade de andar, sendo possível tratamento com cirurgia, e mudanças na dieta do cachorro. Ao contrário da displasia de cotovelo, a displasia coxofemoral ocorre também em cachorros pequenos. Expectativa de vida varia entre 10 anos a 12 anos.

Preço

O preço médio do filhote de Tosa Inu (Mastim Japonês) pode variar de R$ 1.500 a R$ 3.500.

Tosa-03

Leia Também:

Aqui você encontra tudo para o seu pet.

Pets Perdidos Adoções
Pets Perdidos Achados
Pets Perdidos Perdidos
Pets Perdidos Forum
Pets Perdidos Encontros
Pets Perdidos Serviços
Dra Talita Dal Evedove Lopes. CRMV-SP 26.406

Dra Talita Dal Evedove Lopes, Médica Veterinária (CRMV-SP 26.406)

Formada pela Universidade Anhembi Morumbi em 2009, pós graduada em clínica médica de pequenos animais, especializada em Acupuntura Veterinária, Homeopatia Veterinária, Floral e Reiki Veterinário.
Médica Veterinária do Centro Veterinário Manuel Lopes.
Responsável pelos conteúdos técnicos do Encontros Pet.
Envie sua duvida pra gente: veterinaria@encontrospet.com.br

Encontros Pet

Comentários