Cobra Python (Píton ou Pitão)

A Cobra Python (conhecida também como Píton ou Pitão) é um gênero de répteis da família Pythonidae. Pode ser encontrado na Ásia e África, saiba mais sobre esse réptil logo abaixo…

Python-04

Origem

Python é um gênero de répteis da família Pythonidae. Pode ser encontrado na Ásia e África. Popularmente são denominadas de Pitão (português europeu), ou Píton (português brasileiro).

A cobra Píton com certeza não é uma das maiores do mundo, mas assusta um pouco. E é provavelmente a mais longa de todas as cobras. Seu comprimento máximo é de 7,3 m, o que pode ser da largura de uma estrada, e 4 vezes maior que um humano alto. Alta, não? Mas não fique preocupado porque será raríssimo ver uma cobra dessas por aqui, esta espécie vive mais comumente na Europa e África, sendo raramente encontrada no Brasil a menos que tenha sido trazida. Já foi encontrada em pequenas matas nacionais, mas são mesmo raras.

Geralmente é encontrada no centro de florestas, na parte mais densa, próximas aos rios. Durante o dia esconde-se e a noite sai para procurar alimentos. Acompanha a correnteza em busca deles, nadando-se muito bem. Após alimentar-se, dorme por alguns dias.

Há muitas espécies de Píton, as quais vivem desde a África até o sudeste asiático, e Oceania:

P. Anchietae (Píton Angolana) é encontrada na África, sudeste de Angola, e no nordeste da Namíbia;

P. Curtus é encontrada no sudeste da Ásia, e no sudeste da Tailândia;

P. Molurus (Píton Indiana) é encontrada no Paquistão, Índia, Sri Lanka, sudeste do Nepal, Bangladesh, Myanmar, sudeste da China (Sichuan e Yunnan, Hainan, Hong Kong), Tailândia, Laos, Vietnã, Cambodja, Península da Malásia e Indonésia (Java, Sumbawa, Sulawesi);

P. Regius (Píton Real) é encontrada no Senegal, Mali, Guiné- Bissau, Guiné, Serra Leoa, Libéria, Costa do Marfim, Gana, Benin, Níger, e Nigéria, Chade, Sudão, e Uganda;

P. Reticulatus (Píton Reticulada) é encontrada no sudeste da Ásia;

P. Sebae (Píton Africana) é encontrada na África e P. Timoriensis é encontrada na Indonésia.

Python-03

Características

A Píton é uma das poucas cobras que chocam seus ovos. Outras espécies cuidam dos ovos, mas como a cobra tem sangue frio, e a maioria delas não tem a mesma força muscular que a Píton tem para produzir calor corporal, a maioria delas não consegue chocar os ovos, dependendo apenas do sol para isso.

Ela enrola-se envolta dos ovos (mais ou menos de 10 a 100 por ninhada) e treme os músculos para elevar a temperatura do próprio corpo, até uns 7 graus acima da temperatura ambiente. Além disso, ela vira os ovos para que tomem sol de todos os lados. Todos com sucesso se um predador não os ingerir antes. Como é hábito das cobras, pode ser que a própria mãe para nutrir-se acabe por alimentar-se de alguns dos seus ovos.

Nenhuma das serpentes desta família possui dentes inoculadores de veneno, porém possuem presas afiadas curvadas pra dentro para agarrar sua presa.

Os Pítons variam de 4,5 a 7,5 m, mas pode crescer até 10 metros – equivale ao comprimento de 6 humanos adultos, e pesar até 120 kg. Este gigante poderoso não é só conhecido pelo seu tamanho, mas também pela beleza da sua pele.

Peso:Aproximadamente Macho e Fêmea até 120 kg
AlturaAproximadamente Macho e Fêmea de 4,5 m a 7,5 m
Grupo:Família Pythonidae
Cor:Variadas
Nome de Origem:Python
Pais de Origem:África até o sudeste asiático, e Oceania

Python-02

Curiosidades

O Pitão é retratado em diversos filmes como sendo “Gigante e sedente por sangue”. Isso não acontece na realidade.

Todas as cobras são essencialmente carnívoras, e comem sempre inteiros os animais que matam. Para isso, em vez de uma estrutura sólida no maxilar superior, as cobras desenvolveram um sistema flexível de ossos presos uns aos outros, e ao resto do crânio por ligamentos elásticos. Dessa a boca pode abrir- se o suficiente para ingerir uma presa de diâmetro 2 ou 3 vezes maior que a cabeça da cobra em repouso. A pele também é bastante elástica para suportar a abertura da boca.

Outra particularidade é que a traqueia abre-se no assoalho da boca, e sua abertura apresenta certa mobilidade, possibilitando seu deslocamento para frente. Assim no momento da deglutição, a cobra pode continuar respirando normalmente.

No Brasil, a criação e venda de serpentes exóticas em cativeiro é atividade ilegal, considerada tráfico de animais, por isso sempre certifique-se se esta legalizada com o IBAMA.

Dicas

Ao criar um animal principalmente um que seja exótico é muito importante você atentar-se a aspectos como o ambiente, a qual irá passar a viver, deve ser o mais próximo ao habitat natural, e pra isso você deve primeiro adaptar um terrário, que assemelha-se a um aquário, porém especializado para répteis. Considerando que Pítons são cobras de uma dimensão grande você precisa usar o bom senso na hora de adquirir seu terrário embora sejam animais que vivem bem em ambientes relativamente pequenos não podemos exagerar.

Um tamanho bom é de 3 x 1 x 1,5. Você nunca vai conseguir um terrário o qual a cobra consiga se esticar total dentro levando em conta que é muito grande, porém ela não pode ficar espremida. Há pessoas que disponibilizam um quarto só para o animal, porém isso não é necessário se tiver essa possibilidade e quiser sinta-se a vontade.

Dentro do terrário é que você vai se preocupar com a decoração que vai ser importante, tanto para a estética como para que o animal viva uma vida saudável e possa atingir sua longevidade (até 30 anos), e sintam-se confortável. Para isso você deve colocar rochas, madeiras, troncos, plantas sejam elas naturais ou artificiais. Normalmente você encontra esses utensílios em Pet shop mesmo, porém você deve ficar atento quanto às rochas e os troncos para que não seja pontiagudo se for colocar espécies naturais, pois algumas podem não adaptar-se bem, ou podem ser venenosas e vir a matar seu animal.

Disponibilize bem esses itens dentro do aquário, porém não coloque muito, deixe sempre um espaço livre para que ela possa mexer-se. E tudo que você colocar do terrário é preciso ter certeza que esteja fora de contaminação de parasitas. Se o terrário for grande certifique-se de colocar ambientes onde ela possa refugiar-se, pois répteis gostam de esconder-se às vezes e ficarem em paz.

Como bons ectotémicos vão precisar de aquecimento para manter a temperatura corpórea que é varia de manha costuma ser 25º a 28ºC e quando esta de noite chega a 31ºC, porém o ideal é você sempre acompanhar essa temperatura com um termômetro para dar certeza. Mantenha a temperatura do aquário com uma lâmpada própria de preferência UV que vai ajudar o animal a absorver vitamina D já que ele num vai ficar exposto ao Sol, mas é importante que você o coloque no sol pelo menos 1 hora ao dia.

A umidade é outro fator importante já que elas podem ter muitos problemas respiratórios recomenda-se que seja alta essa umidade de 60% a 70%.

A alimentação delas consiste em mamíferos no geral como camundongos e coelho, pode ser dada também galinha, roedores enfim na natureza comem de veados a humanos. Matam suas presas por constrição, ou seja, asfixiam para então comer, as atividades costumam ser noturnas. Filhotes devem ser alimentados diariamente, adultos podem ficar mais tempo sem alimentar-se, chegando a ficar até 3 meses sem qualquer prejuízo nutricional.

Python-01

Preço

Não tem um preço certo para pessoas que pensam em comprar esse animal no Brasil.

Python-05

Leia Também:

Cobra Python (Píton ou Pitão)
Avalie esta postagem

Encontros Pet