Cachorro Tossindo: O que pode ser?

Cachorro Tossindo: O que pode ser? O que fazer?
Quando o cachorro fica tossindo é hora de prestar muita atenção, pois isto pode representar tanto um problema simples como algo mais grave, por exemplo, a “Tosse dos Canis” que é causada por uma bactéria ou por vírus. Mas quando o cão está gripado, ele também pode ficar tossindo, sendo que neste caso a tosse é mais seca e vem de forma contínua. O cão tosse como se estivesse engasgado e pode até expectorar uma espuma branca, mas tudo pode ser resolvido facilmente, tratando da gripe que o acometeu.

Encontrospet-cachorro-tossindo2

A gripe geralmente não traz tantos problemas, mas isto vai depender muito do cão porque nos filhotes ou animais mais velhos, pode ser que ela evolua para uma pneumonia e neste caso a situação será bem mais complicada. A “Tosse dos Canis” também é uma doença muito séria e que coloca a vida dos cães em risco! O cachorro contrai esta doença quando fica exposto à tosse ou espirros de outros animais que estejam infectados, daí a importância de manter seu cão longe da rua e do contato com animais estranhos.

Nos meses mais frios esta doença costuma atingir um maior número de cães, mas também durante os meses de calor ela continua fazendo vítimas, por isto é preciso ter cuidado durante todo o ano. Sempre que um cachorro fica tossindo é preciso levá-lo imediatamente a um veterinário e não querer dar ao animal algum remedinho caseiro achando que é apenas um resfriado.

Após alguns exames o veterinário vai lhe dizer exatamente o que seu cachorro tem e qual é o tratamento ideal para ele. Em todo caso, sempre que o cão fica tossido, é importante mantê-lo longe do frio, do vento e de lugares mais úmidos. E até que se descubra o real motivo da tosse, é bom deixá-lo longe de outros cães que tenha em casa para evitar contágio.

Encontrospet-cachorro-tossindo1

Todo cão deve estar com a carteira de vacinação em dia! Além de receber a vacina “anti-rábica” e também a vacina “múltipla” que o protege da hepatite, cinomose, parvovirose, leptospirose, parainfluenza e do coronavírus, é preciso receber também a vacina contra a “Tosse dos Canis” assim que ele completar 2 meses e todo ano precisa tomar o reforço, assim você manterá seu cãozinho sempre muito bem protegido! Mas não pense que o seu cão está com a “Tosse dos Canis” porque ele começou a tossir, pois são vários os motivos que o deixam neste estado. Até os cães cardiopatas podem apresentar tosse contínua assim como os animais com idade mais avançada.

Quando o cachorro tem algo em sua boca ou garganta que fica obstruindo suas vias aéreas, ele começa a tossir para tentar se livrar daquilo que o está incomodando. O dono nesta hora acha que é só esperar que uma hora o cão consegue se livrar do que está na sua garganta e para de tossir, mas esta não é atitude mais correta, pois dependendo que se trata este objeto, poderá até machucar a traqueia ou o esôfago do cão.

Beber muita água pode resolver, ou não! O certo é que ficar parado, esperando um tempo para ver se o próprio cão resolve o problema é um erro! O dono precisa levar o animal para o veterinário o quanto antes. Ainda em casa pode-se verificar se tem algum objeto dentro da boca do cão, por exemplo, um osso. Se for, basta retirar o que está preso à garganta do animal para ele parar de tossir, mas lembre-se que pode ter ficado alguma ferida. Por isto, mesmo tendo o problema resolvido, é bom levar o animal a um veterinário para ver se não ficou alguma sequela.

Você deve observar como o cão está tossindo para poder explicar ao veterinário, assim já facilita para ele descobrir do que se trata. Quando o cachorro fica com uma tosse aguda e mais alta pode ser problema de saúde, na traqueia ou nos brônquios. A tosse quando é mais curta já indica fluídos nos pulmões do animal. Quando ele tem uma tosse mais úmida, aí pode ser uma infecção pulmonar ou um outro problema mais grave.

A forma como o cão tosse já dá bons sinais do que pode ser o problema. Preste bastante atenção para poder contar ao veterinário e assim ajudá-lo a identificar o problema mais rápido.

Encontrospet-cachorro-tossindo

O que você não pode fazer nunca é ignorar um cachorro tossindo. Observe todos os detalhes, veja se tem algo em sua boca, como é a tosse e leve-o o mais rápido possível para ser cuidado por um profissional capacitado, evitando dar-lhe remedinhos caseiros que quase nunca resolvem e você estará assim adiando a melhora do animal.

Leia Também:

Cachorro Tossindo: O que pode ser?
Avalie esta postagem

Tags:

Encontros Pet