Como Tratar Micoses em Gatos, O que Fazer?

Como Tratar Micoses em Gatos, O que Fazer?

Como tratar micoses em gatos e o que fazer? Qualquer gato está sujeito a contrair uma micose, independente da raça ou sexo, mas os filhotes geralmente estão mais sujeitos a apresentar o problema, já que não contam ainda com um sistema imunológico totalmente desenvolvido. Gatos idosos também entram neste grupo, principalmente os que estiverem com a imunidade mais baixa.

A micose é mais comum em gatos do que muitos imaginam e é causada por fungos, que causam infecções na pele, precisando ser combatida o quanto antes. As micoses que mais acomete os felinos são:

Micose-gatos-01

Microsporum canis: esta é uma micose transmitida de um gato para o outro, ou então de um cão para o felino, por isso é importante identificar o tipo de micose, porque neste caso deverá evitar o contato do animal com outros, até que ele fique realmente livre do problema.

Microsporum gypseum: esta micose atinge o gato através do solo contaminado e é comum de acontecer, por exemplo, quando levamos o gato para passear em uma pracinha ou deixamos ele solto por aí, por isto é importante cuidar sempre do nosso amigo felino.

Trichophyton mentagrophytes: esta contamina o gato através de roedores e é uma das mais comuns entre os felinos.

Outro ponto que vem sendo observado, é que os gatos de pelagem longa costumam apresentar micose com maior frequência do que aqueles que possuem o pelo mais curto.

Mas também observou-se que o estresse diminui a imunidade do gato e com isto ele fica mais propenso a ter micose e até outras doenças.

Para saber se o seu gato está com micose, fique atento àquelas regiões onde há uma perda de pelo mais visível, pois geralmente é aí que o problema se encontra, podendo ser no pescoço, virilhas, dedos, na parte interna da coxa, ou em outras áreas.

Micose-gatos

Se você notar que seu gato está lambendo uma parte do corpo com mais frequência, verifique imediatamente, pois pode ser uma micose.

Há várias formas de se tratar a micose, mas a forma correta vai depender de vários fatores, por isto é importante levar o felino ao veterinário, caso perceba que ele esteja com micose. O profissional pode utilizar até mesmo uma lâmpada ultravioleta para detectar o problema, mas há outras formas a serem utilizadas, às quais o veterinário poderá recorrer, podendo ser um exame microscópio da pelagem, ou a cultura fúngica que é bem mais eficiente e consegue detectar a espécie do fungo com precisão.

É muito importante manter o local em que o gato vive, sempre limpo, além de aspirar os móveis e toda a casa. Também é sempre bom evitar deixá-lo ir à rua, pois de nada adianta manter a higiene dentro de casa se o seu gato sai e tem contato com animais que possam estar contaminados.

Hoje no mercado tempos vários antifúngicos à disposição, mas é um erro muito grande adquirir um destes sem a orientação de um veterinário, que irá verificar qual o tipo de micose que acometeu o seu gatinho e lhe prescrever o tratamento correto.

Há casos em que se faz necessário uma boa tosa, em outros é preciso usar shampoos específicos, mas tudo isto somente o profissional poderá lhe indicar.

Medicamentos caseiros é outro erro comum, que pode inclusive piorar o problema. Então fique sempre atento ao seu gatinho e ao primeiro sinal de micose, leve-o para uma consulta, assim ficará mais fácil combater a micose, já que encontra-se bem no início.

Micose-gatos-02

 

LEIA TAMBÉM:

Como dar remédio para cães e gatos ? Ler anterior

Como dar remédio para cães e gatos ?

Cachorro pequinês preço, valor de venda, valor médio Ler próxima

Cachorro pequinês preço, valor de venda, valor médio

Adicionar um comentário

Assine nossa Newsletter

Assine e receba novidades, dicas e não perca nenhuma de nossas notícias, você pode cancelar a qualquer momento!