Bicheira em Cachorro ou Gato, Como Tratar?

Bicheira em Cachorro ou Gato, Como Tratar?

Cachorros e gatos ficam todo o tempo expostos às mais diversas doenças, por isto precisamos cuidar deles com muito carinho e atenção e um dos problemas que mais afetam estes animaizinhos é a bicheira, transmitida pela mosca varejeira, a qual deposita no ferimento do animal que fica exposto as suas larvas. Estas larvas começam então a se alimentarem da carne do animal e causa graves lesões e logo surgem os “buracos” e se o problema não for tratado de forma correta pode chegar ao ponto de precisar fazer uma amputação do membro atingido.

Cachorro-com-bicheira

Quando o cachorro ou gato se apresenta com bicheira é preciso retirá-la imediatamente, pois quanto antes tomar as providências, melhor será para o animal. O ideal é que a bicheira seja retirada antes que comece a se expandir e isto acontece de forma rápida porque a lesão pode contar cerca de 100 larvas ou mais, o que fará um estrago enorme se não for combatida urgentemente.

Uma forma simples de evitar o surgimento da bicheira é comprando uma coleira ou spray anti-mosca que hoje em dia é encontrado facilmente nas lojas especializadas, assim você ajuda a evitar que moscas varejeiras pousem no animal e deposite suas larvas. Jamais deixe um machucado em seu cachorro ou gato sem tratamento, por menor que seja. É importante observarmos nosso animalzinho de estimação e começar o tratamento do machucado tão logo seja descoberto.

A atenção deve ser ainda maior com os gatos que não se limitam às dependências da residência e saem para a rua. Eles estão mais expostos a brigas com outros animais, quedas e se machucarem serão um alvo para as moscas. Qualquer lesão no pelo do animal merece uma atenção redobrada, independente do tamanho, pois por menor que seja pode servir para depósito das larvas e logo este machucadinho estará maior e repleto de larvas.

Cachorro-com-bicheira01

Todo machucado em cachorro ou gato deve ser limpo de duas a três vezes ao dia, ou talvez até mais dependendo da gravidade da lesão. Se for possível manter o machucado fechado, ou coberto, melhor, assim mantém o pet protegido das moscas, mas se não for possível tenha o seu animalzinho sempre por perto e utilize spray ou coleira própria para ajudar a manter as moscas distantes até que o machucado finalmente cicatrize.

Antes de limpar a bicheira é preciso usar um “mata-bicheira” e aí sim, pode-se fazer a limpeza do local e em seguida usar um produto anti-séptico. É importante ser persistente no tratamento até que o machucado suma completamente. Somente após ver que o local está cicatrizado é que deverá encerrar o tratamento da bicheira.

Matar as larvas e fazer a limpeza do machucado algumas vezes ao dia não significa que o problema não irá voltar, por isto, durante todo o tratamento é importante continuar monitorando o cachorro ou o gato para manter-lhes livre da mosca varejeira. E não deixe de levar seu pet a um veterinário para que você possa ser devidamente orientado e saber quais os medicamentos certos para serem usados na ferida e assim o seu animalzinho ficar bom o mais breve possível.

Cachorro-com-bicheira02

Leia Também:

Como dar remédio para cães e gatos ? Ler anterior

Como dar remédio para cães e gatos ?

Cachorro pequinês preço, valor de venda, valor médio Ler próxima

Cachorro pequinês preço, valor de venda, valor médio

Adicionar um comentário

Assine nossa Newsletter

Assine e receba novidades, dicas e não perca nenhuma de nossas notícias, você pode cancelar a qualquer momento!