Cachorro Pug: Preço do Filhote, Características

Cachorro Pug: Preço do Filhote, Características

Saiba tudo sobre o cachorro Pug (em chinês: 巴哥犬), preço de seus filhotes, suas principais características e dicas e cuidados para quem deseja ter esse lindo cão. O Pug é uma raça de cachorro de companhia originária da China, tal afirmação é baseada no fato de terem encontrado cachorros similares na nação Oriental por volta de 1700 a.C, saiba mais sobre eles abaixo.

Pug

Origem

Todavia, apenas quando levada à Europa, Holanda, por volta do século XVI pela Companhia Mercante de Navegação Holandesa, dita Companhia das Índias, e foi bastante apreciado pelas damas da sociedade como cachorro de colo. Em seguida pelos ingleses, é que a raça atingiu o padrão moderno.

No início do século XVII, já era difundido em vários países europeus como Itália, França, Espanha e Alemanha. Sempre tido como animal de estimação da nobreza e alta sociedade, sua trajetória remonta os episódios com Napoleão Bonaparte, Maria Antonieta, o Príncipe de Orange Willian the Silent, e mais recentemente com o Duque de Windsor. Sem o aviso de um pequeno Pug, Willian teria morrido nas mãos dos espanhóis. O latido de alerta do cachorro avisou sobre a invasão e salvou uma vida real. O Pug tornou-se o cachorro oficial da corte, e o túmulo de Willian exibe, além dele, seu querido cachorro de estimação.

Com o aumento de sua popularidade, conquistou ainda diversos nomes, dependendo do país. Foi chamada de: Mop, Mol, Carlin, Carlino, Pug-dog. Contudo, sua origem permanece menos certa que os serviços que presta. Ele pode ter ascendência asiática ou européia e, o nome provavelmente pode referir-se a um tipo de sagui (também chamado de Pug). Os ingleses batizaram-o de Pug ou “Pug-Dog”, isto é “coisa diminuta”, “cachorro diminuto”.

O nome Carlino ou Carlini foi usado pela primeira vez na França, pelo aspecto cômico, curioso e mal-humorado ao mesmo tempo, que lhe conferem as rugas e a pigmentação particular do rosto, o nome de um ator, célebre no papel de Arlequim, com o qual o rosto redondo, com máscara preta, revelava certa afinidade.

Pug

Características

Fisicamente, o pug é considerado um animal de estimação de pequeno porte, podendo chegar a pesar até 13 kg. Pelo seu tamanho e por não necessitarem de muito exercício, é o tipo de cachorro ideal para apartamento. Pugs são cachorros braquicefálicos, ou seja, cachorros com o focinho “achatado”.

Cachorros com essas características têm sistema respiratório superior comprimido e, por tanto não toleram muito exercício físico.

O Pug é classificado como “cachorro de companhia“, fazendo parte do grupo dos cachorros “Toys” ou “de Companhia”. Os Pugs deveriam pesar entre 6,3 e 8,1 kg, sendo cachorros pesados para a sua estatura. Sua aparência geral deve ser quadrada e maciça, deve mostrar “multum in parvo” (muita substância em um pequeno volume), o que transparece em sua forma compacta, com proporcionalidade entre as partes, e musculatura firme.

A cabeça do Pug é a característica mais original e típica da raça. Deve ser redonda quando você a olha de frente, e o focinho completamente chato quando olhado de perfil. Os olhos são redondos, escuros, expressivos e cheios de vida. Suas orelhas são ajustadas na cabeça, devendo ser pretas. As rugas na cabeça de um Pug devem ser profundas e fáceis de ver, porque dentro delas a cor é mais escura do que fora. Deve existir uma grande ruga sobre o nariz.

Outra característica importante é sua cauda, que é implantada acima da garupa e, deve ser fortemente enrolada. A cauda duplamente enrolada é a ideal que os criadores buscam, mas uma única volta apertada é aceitável. Os Pugs têm basicamente duas cores: fawn (abricot) em várias tonalidades e preta.

A pelagem é lisa, fina, suave, curta e brilhante, nem áspera e nem lanosa. As cores são o preto, amarelo damasco (abricot), fulvo e prata. Cada uma claramente definida para fazer um completo contraste entre as cores, o traço (a linha preta que estende-se desde o occipital até a cauda), e a máscara. A chamada máscara, as orelhas, os sinais nas bochechas, a marca do polegar ou diamante na testa, e o traço são o mais preto possível.

Peso: Macho de 8 kg a 11 Kg

Fêmea de 6 Kg a 8 Kg

Altura: Macho de 31 cm a 62 cm

Fêmea de 25 cm a 60 cm.

Grupo: Grupo 9 – Molossos de pequeno porte
Funções: Companhia
Grau de Atividade: Moderado
Pêlo: Curto, fino, macio e brilhante
Cor: Prata, abricot, fulva ou preta.
Nome de Origem: Pug ou Mops
Pais de Origem: China
Registro FCI: 253

Pug

 Temperamento

De temperamento calmo, dócil, fiel, que não late à toa, adora ficar no colo. É um cachorro equilibrado, feliz, disposto, de grande charme, dignidade e extremamente inteligente. Apesar do seu tamanho pequeno, tem uma personalidade forte, é obstinado, mas raramente agressivo.

Considera-se que ele é um companheiro inseparável, acompanhando seu dono para todo o lado mesmo sem ser convidado. Adequado para famílias com ou sem crianças, sendo capaz de acompanhar as brincadeiras delas sem grandes riscos ao seu físico de porte pequeno. É uma raça conhecida por acompanhar o humor de seus donos. Em geral, são quietos, amáveis, mas também pode mostrar-se vivaz e, agitado sempre que estimulado.

Demonstra-se extremamente sociável e, rapidamente enquadra-se e adapta-se a ambientes e pessoas estranhas. É considerado uma das raças mais dóceis.

Curiosidades

De acordo com o livro A Inteligência dos Cães, de Stanley Coren, o Pug encontra-se na 53ª posição entre as raças pesquisadas no quesito Inteligência a Adestramento e Obediência a Comandos.

A raça foi denominada Pug na casa de William III e Mary II, quando ocuparam o trono da Grã-Bretanha em 1688. Os Pugs pretos foram documentados em uma pintura de William Hogarth, datada do século XVIII (House of Cards, 1730). O artista era um proprietário orgulhoso de seus Pugs, e ilustrava muitos deles em suas pinturas. Graças a ele, existe um registro excelente da aparência da raça há 250 anos atrás.

O maior impacto na raça ocorreu quando, em 1868, dois Pugs de linhagens chinesas puras, provenientes do palácio do imperador, em Pequim, chegaram à Inglaterra. Estes dois cães, “Lamb” e “Moss”, produziram um filho chamado “Click”, que foi fundamental no desenvolvimento da raça moderna, pois introduziu características que, associadas à combinação das linhagens Willoughby e Morrison, resultaram no desenvolvimento das características fenotípicas atuais da raça.

Pug

Dicas

Como qualquer cachorro, deve ser alimentado somente com ração de boa qualidade (de preferência “Super-premium”), e ter sempre água limpa e fresca à disposição. Muitos têm tendência à obesidade, então deve-se limitar a quantidade de ração que, para os adultos, deve ser oferecida duas vezes ao dia. Um pote com água limpa e fresca deve ser sempre deixado à disposição do cachorro. Deve ter uma cama limpa, confortável e abrigada de correntes de ar e mudanças bruscas de temperatura.

Com relação à pelagem, deve ser escovada diariamente, para remoção de pelos mortos que, de outra forma, caem pela casa. Soltam muito pelo, principalmente no outono e na primavera. As escovadelas diárias ajudam neste processo, e evitam a sujeira excessiva da casa. Durante a escovação, pode-se aproveitar para examinar a pele e o pelo a procura de lesões e ectoparasitos, que devem ser prontamente combatidos.

Pugs precisam ter as rugas da face limpas a cada três dias. É importante que a parte interna de cada dobrinha não fique úmida, pois haverá risco de proliferação de fungos, assaduras.

De limites a eles, são cachorros muito envolventes. No entanto, é importante que saiba à hora de brincar, e à hora de ficar em seu cantinho. Para isso, é necessário que você fale firme com ele. Aos poucos ele dará sinal de que está entendendo que há hora certa para tudo.

Pug

Saúde

Como o Pug tem os olhos um pouco mais saltados, estão mais exposto, as consequências da úlcera de córnea, que vão desde irritações leves até a cegueira, ou risco de amputação da parte gravemente ferida. O tratamento é feito com pomadas cicatrizantes e colírios antibióticos. “Não se deve usar nunca colírios para conjuntivite, pois podem prejudicar ainda mais o olho”.

A veterinária Christine Dresser, proprietária de 12 exemplares e membro do Pug Dog Club of America, em Ohio, EUA, cita a síndrome KCS ou Dry eyes (olhos secos), uma doença ainda em pesquisa. Não se sabe ainda como a KCS é adquirida, ela caracteriza-se pelo aparecimento de um líquido branco e viscoso na córnea, pelo embaçamento dela e, pela ausência de lágrimas nos olhos. Segundo a veterinária, “a metade dos casos resulta em cegueira definitiva”. Já o veterinário brasileiro Silvio Lima Duarte ainda não observou o mal em nosso país.

O Pug pode, ainda, ser vítima de luxação da patela ou de uma irritação de pele, provocada pela bactéria Staphylococus. “Mas não é nada muito preocupante ou frequente”.

A displasia coxo-femoral (má-formação entre a cabeça do fêmur e a bacia), hereditária, também acontece. É muito comum na raça, nos Estados Unidos. Expectativa de vida varia entre 12 anos a 15 anos.

Preço

O preço médio do filhote de cachorro Pug pode variar de R$ 1.500 a R$ 6.000.

Pug-01

Leia Também:

Cachorro Fazendo Fezes Moles: O que Fazer? Ler anterior

Cachorro Fazendo Fezes Moles: O que Fazer?

Barriga do Cachorro fazendo Barulho, o que fazer? Ler próxima

Barriga do Cachorro fazendo Barulho, o que fazer?

Adicionar um comentário

Assine nossa Newsletter

Assine e receba novidades, dicas e não perca nenhuma de nossas notícias, você pode cancelar a qualquer momento!