Blog Encontros Pet, onde você encontra tudo para seu animal de estimação.

Gato Ragdoll

Gato Ragdoll

Se você escolher um gatinho da raça Ragdoll com certeza não vai se arrepender, porque vai contar com um animalzinho de estimação muito doce e de tão tranquilo nem reage quando é agredido. É um gato relaticamente grande, porém, de um temperamento muito dócil e que só quer saber de paz e carinho.

Guia-de-racas-Ragdoll3

O gato Ragdoll pode chegar a pesar até 9 kg e isto pode assustar as pessoas, mas depois desta primeira impressão o que se descobre é um felino extremamente doce com seus donos.

Além de grandes companheiros, os gatos da raça Ragdoll também são lindos, a começar pelos seus olhos azuis que logo chamam a atenção. Ter um gato deste em casa com certeza, é motivo de muita alegria para toda a família.

A origem dos gatos Ragdoll está na década de 60 e o nome da raça vem de Ann Baker que era uma expert em felinos. Só que Ann ficou conhecida por ter patenteado o nome da raça e por isto queria receber royalties de todas as pessoas que tivessem um destes gatos dentro de casa.

Para convencer as pessoas, Ann Baker inventou uma história de que a raça foi resultante de uma “engenharia genética do governo norte-americano”.

Gato-Ragdoll

A história não é verdadeira, mas realmente foi Ann que desenvolveu a raça Ragdoll, mas para isto não precisou de genes e sim de uma gatinha chamada Josephine que se parecia muito com um gato Angorá e ela cruzou sua gata com um felino da raça “Sagrado da Birmânia” e o resultado é este lindo gato de olhos azuis.

Hoje, para ser considerado um gato Ragdoll, o animal precisa ser de grande porte e também pesado. Somente após os três anos é que terá todas as cores em seu pêlo. É um gato musculoso, até mesmo para que possa suportar todo seu peso, porém, não é um gato gordo.

A cabeça do gato Ragdoll é de tamanho médio, mais larga e tem uma cunha um pouco modificada. O focinho é bem arredondado e médio, enquanto o queixo é mais desenvolvido e com olhos ovais sem ser orientais e sempre no tom azul.

Gato Ragdoll

Outra característica do gato Ragdoll é que sua pelagem fica bem junto ao corpo e quando ele anda tem-se a impressão de que os pêlos “quebram”. E é fácil notar um aparente “babador” que é formado por um pêlo mais comprido em seu pescoço.

O corpo do gato Ragdoll terá sempre uma coloração mais clara que as extremidades, orelhas, patas e rabo. O gato da raça Ragdoll nunca poderá ser branco em sua pelagem e as extremidades precisam sempre ser mais escuras do que seu corpo.

Mas tem o padrão bicolor que traz no rosto uma máscara branca em formato de “V” invertido.

Já no padrão Lynx a cauda possui listras e a máscara branca ao redor de seus olhos e também em sua boca.

Não é só a beleza que faz com que gatos da raça Ragdoll sejam tão procurados, eles também são ótima companhia e acompanham seu dono por toda a vida. Estes felinos são caseiros e não devem ser deixados soltos pela rua porque são totalmente indefesos. Eles devem ficar sempre no ambiente interno. Pode ser deixado no jardim, por exemplo, mas desde que seja bem fechado para que ele não saia.

Estes felinos gostam de atividades físicas, mas sem exageros, chegando a ser mais sedentários que gatos de outras raças, principalmente as de menor porte.

Algumas doenças podem surgir em gatos Ragdoll, mas geralmente são gatos fortes, saudáveis e não dão trabalho quando cuidados de forma correta, até porque, esta raça não tem defeitos genéticos que a comprometam.

Guia-de-racas-Ragdoll

Mas alguns problemas podem surgir sim, como a CMH – Cardiomiopatia Hipertrófica Felina – que afeta estes animais e não há cura para esta doença, mas é possível controlá-la com medicamentos e uma dieta controlada.

Gatos Ragdoll podem ainda ter o gene da “Mucopolissacaridose VI Felino”, uma doença que surge no animal por falta de um enzima e apesar de ser uma doença rara, pode ser que surja a partir dos dois anos de idade. Neste caso é preciso levar o animal a um veterinário para que possa ser feita a reposição dos enzimas e em alguns casos o transplante de medula óssea para tentar resolver o problema.

Outro problema muito sério que poderá ocorrer é que os gatos desta raça têm o pêlo semilongo, formando bolas de pêlo. Estes felinos ficam se lambendo o tempo todo e pode ocorrer das bolas de pelos serem formadas no intestino do animal e bloquear a saída das fezes e isto causa sérios transtornos à saúde do seu gatinho.

Então fique atento à escovação diária para que não venha a ocorrer este tipo de problema.

Leia Também:

Cachorro Fazendo Fezes Moles: O que Fazer? Ler anterior

Cachorro Fazendo Fezes Moles: O que Fazer?

Barriga do Cachorro fazendo Barulho, o que fazer? Ler próxima

Barriga do Cachorro fazendo Barulho, o que fazer?

Adicionar um comentário

Assine nossa Newsletter

Assine e receba novidades, dicas e não perca nenhuma de nossas notícias, você pode cancelar a qualquer momento!