Blog Encontros Pet, onde você encontra tudo para seu animal de estimação.

Gato Espirrando: O que pode ser?

Gato Espirrando: O que pode ser?

Meu gato está espirrando, o que pode ser? O que devo fazer?

Se você ver seu gato espirrando uma vez, é normal, pode ser simplesmente porque ele cheirou algo que tenha provocado o espirro, mas é bom prestar atenção porque se os espirros continuarem aí é sinal de que alguma coisa está errada.
Gato-espirrando-01

Independente se há ou não corrimento nasal, muitos espirros seguidos podem ser sinal de problema e você precisa verificar do que se trata. Geralmente, gato espirrando é sinal de alergia, ou uma infecção viral, ou até mesmo uma doença conhecida por “rinite crônica”. É importante levar o animal ao veterinário para ver do que se trata e aí sim, iniciar o tratamento. O que você não pode fazer nunca é dar um medicamento para seu gato quando ele espirrar porque você não sabe ao certo do que se trata aquele espirro.

Assim como nós humanos, os gatos também podem ter alergia e isto é mais comum do que imaginamos. O felino pode ser alérgico a pólen, a produtos de limpeza que você utiliza em sua residência e há vários outros itens. Se você for uma pessoa atenta, poderá facilmente diagnosticar o problema e até mesmo resolvê-lo. Ao comprar um novo produto para limpeza da casa eu gatinho começou a espirrar?

Remova o produto utilizado e fique sem usá-lo por alguns dias. Se os terminarem você já resolveu o problema. E evitar deixar o gato no jardim, entre as flores, também é um teste que deve ser feito para ver se os espirros param. Mas os espirros podem ser também devido a uma infecção viral e neste caso pode ser mais difícil de diagnosticar o problema. Geralmente isto ocorre quando o gato entra em contato com outros felinos, seja em um abrigo ou na rua. Ele pode ter sido contagiado e o espirro é um dos sintomas. O veterinário será imprescindível para detectar a causa, saber qual vírus está provocando os espirros e dar início ao tratamento correto.

Gato com Rinite também espirra muito e neste caso tem-se a presença de uma secreção nasal constante que tem cheiro ruim. É preciso tratar antes que evolua para uma rinite crônica e aí vai ser muito mais complicado fazer o tratamento. É o veterinário que irá determinar qual foi a causa e providenciar o tratamento mais indicado.

Gato-espirrando-03

Diferente do que muitos imaginam, são os gatos jovens que estão mais suscetíveis a terem doenças respiratórias que na maioria das vezes são causadas por viroses. Porém, isto não isenta os filhotes ou os gatos mais velhos de terem uma alergia ou infecção. O importante é ficar sempre atento ao gato para perceber qualquer mudança em seu comportamento, por exemplo, quando ele começa a esfregar o nariz com a patinha a todo momento, se fica engolindo a saliva, se aparece algum sangramento em seu nariz, se faz algum ruído estranho quando respira, se vem perdendo peso e também perdeu o apetite, entre outros comportamentos que você perceba que são anormais.

Como o gato é um animal extremamente independente, os donos acabam se descuidando deles, pensando que eles não adoecem e isto é um erro! E a”Gripe dos Gatos” poderá atacar o seu animalzinho de estimação, sendo esta uma doença aguda que é causada pelo”Herpesvírus Velino”.

Gato-espirrando

Mais comum em filhotes, mas pode atacar também os gatos jovens e mais velhos, a doença apresenta sintomas típicos, como o corrimento nasal, úlceras nos olhos do felino e febre. O gatinho perde a fome e se desidrata rapidamente.

Manter o gato com a vacinação em dia é o primeiro passo para evitar este tipo de doença, mas não é 100% seguro que ele estará livre da gripe. Por isto, se observar que o gatinho está espirrando com frequência, não perca tempo e leve-o imediatamente ao veterinário. Provavelmente será prescrito alguns antibióticos e por cerca de 20 dias o animal deverá ficar em tratamento. Em alguns casos o veterinário pode indicar ainda o uso de colírios e também de inalações.

Você deverá fazer sua parte, mantendo os olhinhos do gato sempre limpos, podendo utilizar um soro fisiológico. As secreções que vão se acumulando no nariz do felino devem ser retiradas para facilitar sua respiração. Tenha paciência na hora das refeições, pois o animal não pode ficar sem comida e nem sem tomar muita água.

Gato-espirrando-02

Deixe-o em um local sempre seco e arejado. Se tiver outros gatos em sua residência, mantenha o animal doente isolado para não contaminar os outros. E siga o tratamento prescrito pelo veterinário exatamente como lhe foi passado, nunca utilizando medicamentos ou “dicas” ensinadas por amigos ou parentes. Apesar da boa vontade, pode vir a piorar a situação do seu bichinho de estimação.

Leia Também:

Ler anterior

Cachorro com Caspa: O que fazer?

Ler próxima

Gato Assustado: O que Fazer?

Deixe um comentário

dez + um =

Nenhum comentário encontrado.

Posts Relacionados

Assine nossa Newsletter

Assine e receba novidades, dicas e não perca nenhuma de nossas notícias, você pode cancelar a qualquer momento!